17.5.09

vários updates 2

Se ela dança, eu danço.

Data: 12/05/09
Hora Local (Gibraltar - Inglaterra): 16h30
Hora do Brasil: 11h30


Os portugueses adoram funk. Acham que é a cara do Brasil isso. Passei as músicas pro Dinis, mas ele quer mais funk. Haha e agora to ouvindo um funk aqui e... não é que to gostando?! Haha tipo, gostando porque dá saudade, sabe como?

Liguei pra casa pela primeira vez anteontem. Falei com a mãe, o Dudu e o Lucas. Claro, depois disso ainda chorei um pouco de saudade ou de impotência por não poder fazer nada. Isso é um pouco cruel. Às vezes é melhor nem pensar, nem ligar, nem dar e receber notícias, pra saudade não aparecer. Sonhei com o Lucas essa noite. Acho que é porque falei com ele.

Haha agora ta tocando “glamourosaaaaaaa rainha do funk...”. Peguei tudo com a Thalita essas músicas. E nas minhas caixinhas novas de som, ta um pancadão massa aqui na cabina. Hahaha é, eu comprei as caixas de som do meu antigo companheiro de cabine. Ele se foi e não podia levar as caixas, e eu também não vou poder levar e vou ter que vender pra alguém. Mas enfim, to com saudade do Gilberto que se foi há 3 dias atrás. Agora me colocaram um ucraniano pra viver comigo. Putz, preferia que fosse um latino, mas tudo bem. O guri não é tão mala, mas é um pouco. Já ta no terceiro contrato então por isso é meio mala. E me encheu o saco ontem com a mania de limpeza que tem, já que hoje teria inspeção nas cabines e tals. Mas nada demais. Pelo menos agora to falando mais inglês, porque pra falar com ele tem que ser assim né. Eu falo mais espanhol do que inglês aqui. Meus amigos são na maioria mexicanos, ou latinos de forma geral.

Não escrevo faz tempo. E quando escrevo muito vocês nem lêem, nem comentam. Paia demais, mas ok.

Ah, embarcou uma Macedônia lindíssima, e ta trabalhando na officer`s mess. Converso um pouco com ela quando a gente se cruza durante o dia ou de noite quando trabalho lá com os head waiters. E ela é a caaaaara da Isabela, minha irmã. Já até to aprendendo a falar macedônio. Hahaha na verdade eu comecei a conversar com ela a primeira vez em macedônio, porque já sabia pelo menos falar “oi, tudo bem?”. Haha e agora ela já me ensinou outras palavrinhas.

Zdravko, kako sin? Dobro sun, fale! (oi, tudo bem? Tudo ótimo, obrigado)

Hahah to adorando aprender macedônio.

Falando nisso, amanhã começam minhas aulas de inglês aqui. Não sei se vou gostar muito, já que isso acontece na minha hora de folga. Mas é bom porque o professor é americano, então pra aprender a pronúncia certa é bom.

Eu ainda não conheço Gibraltar. Esse meu horário ta foda. Já faz uma semana que não saio do barco. Não saí nem na Inglaterra no fim do cruzeiro. To vendo de trocar de horário com o Aldo, que baba no meu horário, já que ele adora dormir. Haha

Eu acho que vou voltar pro Brasil adorando carnaval, Rio de Janeiro, futebol e funk. É tudo que falam do Brasil por aqui, sem falar nas mulheres. Mas das mulheres eles falam de uma forma mais vulgar que não me gosta. E quem conhece o Brasil, conhece Fortaleza, porque é lá que o navio para em novembro.

Enfim, tiau! Tenho 8 min pra começar a trabalhar de novo.


UPDATE


Será que cruzo com a Penélope?

Data: 13/05/09
Hora Local (Alicante - Espanha): 16h20
Hora do Brasil: 11h20


Que droga. Não pude sair hoje de novo porque tinha a porra do drill, que é aquele treinamento de emergência, sabem? Já tem dias que não boto o pé pra fora. Pedi meu day off pra Civitavecchia ou Cannes. Ouvi dizer que ta tendo o festival em Cannes, né? Alguém sabe se é verdade? Se sim, vai ser lindo de viver tirar um day off lá e curtir algum filminho direto da fonte. Há! E ver a Penélope Cruz ao vivo. *_*

Acabei de voltar da aula de inglês. É bem susse, ainda mais porque foi na minha hora de trabalho. Haha até que meu supervisor saiba que existe aula pro meu nível no meu horário de folga, eu vou continuar indo nesse horário de hoje. E até fiquei feliz de saber que minha turma é nível 2. Não sei quantos níveis são, mas saber que não to começando do 1 já é alguma coisa. Haha

Chega de rir, porque não ta engraçado.

Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh, vai ter uma partida de futebol contra o Emerald Princess e eu como brasileiro puro-sangue já fui escalado pra jogar. Não sei quando vai ser ainda, mas sei que to no time. Imagiiiiiiina que tesão jogar bola num campo em Barcelona, por exemplo? Vai ser massa demais. E ótimo pra mim descarregar toda energia do stress do dia a dia.

Toda noite no crew bar tem algum tipo de recreação. Dia de banda, de festa temática, de disco, de filme, de jogos. No dia do show acústico (que é quase tocaquemquer) to querendo tocar alguma coisa. Os mexicanos me pediram pra tocar samba da última vez, mas tocar samba no violão é foda, né? Haha mas sei lá, vou tentar alguma coisa na próxima. To a mais de 2 meses sem tocar nada, então não sei se ainda lembro.
Com essa minha 1h de folga de agora não dá pra conhecer nada. Se saísse agora, ia até o portão do porto e voltava. Daí não tem graça. Preferi nem sair.

Que ta acontecendo com a Ferrari? Até o Rubinho ta indo bem, né? Que feio pro Massa.

Já to começando a pensar no meu documentário, daquele que penso em fazer aqui. Na verdade, perdeu o título de documentário já. É mais uma pesquisa, um “documento”, do que as pessoas pensam sobre a música curitibana. Vou botar os piás (e gurias) de Curitiba no ouvido do mundo e ver o que eles acham. Tem (um pouco) a ver com minha pesquisa da pós, então vai me servir de alguma coisa. Por falar nisso, não sei que merda deu a minha pós. Me faltam 3 aulas e nunca ninguém me avisou. Já tem 3 anos que comecei. Haha é basicamente mais uma faculdade. Enfim...

In the future... quero aprender italiano e francês. Italiano primeiro, porque me pareceu mais fácil. O português de Portugal quase não tem diferença pro nosso. Eu achava que tinha, mas é basicamente um sotaque diferente. É a mesma diferença de falar com um nordestino. O espanhol me surpreende a cada dia, porque cada vez mais me soa fluente. O inglês eu entendo melhor agora, mas ainda falo (ruim) do mesmo jeito. Não gosto de falar inglês. Numa roda de amigos com todo mundo falando inglês eu escuto e entendo tudo, mas não falo nada. E odeio mais ainda falar inglês na frente dos paisanos, porque eles falam melhor do que eu. A Thalita fala muito fluente e me dá um pouco de raiva e vergonha de falar na frente dela.

A bateria do notebook ta acabando e eu to com preguiça de ligar na tomada. Então, tchau!

If you don’t know how are you, you can tchubaduba.

Ahhhhhhhhhhh, meu allstar verde vai pra uma redoma de vidro quando eu voltar pra casa. Pensa, ele me acompanha em todas as terras do mundo, ta viajado já, ta gastado em solo internacional. Já foi pra galeria da fama.

Ahhhhhhhhhhhhhhh2, eu tava assistindo Ratatoulie e, tipo, foi “gravado” em Paris, né?! Daí que fiquei loco de feliz de ver que fizeram umas partes bem onde passei, tipo Notre Dame que aparece duas vezes em segundo plano, meio subliminar, daí tem aquela ruazinha que beira o rio, que também passei, que é onde o ratinho passa correndo. E tem uma ponte onde a menina ta de roller, na frente da igreja, por cima do mesmo rio, que é onde eu também passei. Bah, achei legal isso.

E foda também que tava vendo as fotos da Maria Regina (paisana) de quando ela visitou a Europa há muito tempo atrás. Daí eu via umas e.. “ahhh isso aí é em Barcelona, né? No castelo dos 3 dragões”. Tipo, é foda você (re)conhecer lugares do mundo, saber que também já esteve lá. Assim como o Klébinho do TM que também trabalhou em navios, viu minhas fotos da Itália e comentou que também conhecia aqueles lugares. Acho massa isso. Ou a Julis (balinhas) que tem uma foto em Paris no mesmo lugar que eu tirei a minha. Ok, Paris é um lugar “batido”. Mas mesmo assim, é um amigo teu que já esteve no mesmo lugar que você, no fim do mundo, em outra data.

Sei lá, queria todos meus amigos aqui comigo (con)vivendo as mesmas coisas que eu, vendo todas essas coisas e compartilhando comigo essas experiências. Quero que um dia vocês tenham a oportunidade também. E nunca deixem de viajar, de conhecer lugares diferentes. Nas minhas supostas férias, não sei ainda se viajo ou fico em Curitiba pra curtir a cidade. Tudo depende se eu vou querer voltar ou não. Ainda não sei. E, assim, cada vez mais eu gosto do Brasil. É clichê falar isso, mas a gente gosta mais do Brasil quando vê ele de fora. O Brasil é uma merda, mas é a NOSSA merda e eu morro de orgulho, por isso que vivo com a minha bandeirinha por aqui, pra esbanjar minha alegria de ter nascido nesse lugar. Todo mundo aqui morre de inveja. E todo mundo conhece aquela música lá “Brasil, lala lala lalalalaáá”, sabem? Claro que sabem, mas comigo ‘cantando’ fica difícil.

Algumas coisas em espanhol e inglês são mais fáceis de falar do que em português, por isso que quando converso com a Adriana (paisana) a gente mistura os 3. É engraçado demais isso, porque as vezes estamos falando em espanhol e enfiamos umas expressões em inglês no meio. Se eu voltar falando com vocês assim, não se importem.

E outra coisa legal aqui é que se você falar que tal dia na Noruega você fez tal coisa não vão te achar com cara de metido, porque é a coisa mais natural do mundo todo mundo aqui conhecer o mundo inteiro. Coisa que se um dia no Brasil eu for falar alguma coisa que eu fiz na Escócia vai soar metido demais. Enfim, vamos ver como vou lidar com isso quando eu voltar.

Eu dei tchau faz horas, mas continuei falando, e acabei ligando o note na tomada. Droga, faltam 3 minutos pra eu trabalhar e ainda nem botei o uniforme da noite (é, são 2 uniformes diferentes por dia).

Tchau!


UPDATE


Yellow Level.

Data: 15/05/09
Hora Local (Cannes - França): 16h40
Hora do Brasil: 11h40


Que merda! Uma bactéria embarcou aqui e passageiros ficaram doentes. Estamos na porra do yellow level, com cuidados especiais com tudo, especialmente com a comida. E, por isso, também não se pode sair do navio.

Ontem em Barcelona já não saí. Hoje muito menos. E o Festival de Cinema está mesmo rolando. Que merda bem grande. Pra mim era importante sair hoje, estar aqui em pleno festival de cinema não é pouca coisa. E é tão indiferente você estar dentro no navio, porque parece que você está em qualquer lugar, porque o que acontece do lado de fora não interfere nada aqui dentro. Então, estou em Cannes, em pleno festival, mas o que importa? Nem respirar o ar de Cannes eu respirei.

Enfim, que essa merda de bactéria vá logo embora e que eu tenha meu merecido day off em Civitavecchia ou Livorno (amanhã).

Ontem teve jungle party. Tava bom, mas é quase sempre a mesma coisa, sempre as mesmas músicas. A diferença é que dessa vez tinha uma macedônia linda pra fazer companhia. Ahaha

Sei que tô cansado demais por não poder botar a cara pra fora por tantos dias. Acho que são 12 dias já. Já falei isso antes, mas só fico feliz quando tô lá fora. Já pedi pra mudar meu horário, porque meu interesse aqui é conhecer os lugares, e com essa minha escala é impossível. Com aula de inglês de manhã e 1h de intervalo de tarde é impossível. Tá foda. Se continuar nessa putaria eu prefiro ir embora. Ficar assim até o fim do meu contrato eu não fico MESMO!

Falando nisso, faltam exatamente 3 meses pra eu ir embora. Ou seja, é a metade do meu contrato já. Que bom, né? Tá passando até que rápido.

Beijo, tchau. Faltam 12 min pra eu começar a trabalhar. E sei lá quando vou postar tudo isso, então o texto vai ficar gigante de novo e ninguém vai ler de novo. Mas que se $#$%^.

PITCH KUMATERI!
(sim, é um palavrão em macedônio) =x

KCT, de que me adianta aprender a língua de um país que tem 2 milhões de habitantes? Sei lá, mas tô aprendendo umas coisas.

Tiau!



UPDATE


Que raiva!

Data: 16/05/09
Hora Local (Livorno - Itália): 10h40
Hora do Brasil: 05h40

Ontem o Alexandre (paisano) me apareceu com uma camiseta do Festival de Cannes. Queria uma dessa, mesmo sabendo que custava 17 euros. Se eu apareço com uma dessa em Curitiba todo mundo baba. Hahaha

Ok, vamos voltar em julho pra Cannes, mas já não vai mais ter festival. Que raiva mortal disso, de não poder sair.

Mas, bem, finalmente hoje eu saí. De tarde eu volto pra contar como foi e AONDE foi, que é o principal.

Tiau, faltam poucos minutos pra eu COMEÇAR a trabalhar e minha manhã já foi cansativa. Wish me good luck.



UPDATE


Ok, devo essa.

Data: 17/05/09
Hora Local (Civitavecchia - Itália): 16h10
Hora do Brasil: 11h10


Não vou postar ainda sobre a Torre de Pisa. Simmmmmmmmmm, eu fui pra Pisa, porra!!!!!

É que tenho pouco tempo e apenas 7 minutos no cartão de internet, então fica pro próximo post.

No mais, vou gastar meus últimos 7 minutos pra postar essa bíblia aqui de 6 páginas de Word e ver o que dá. Depois posto minhas fotos de Pisa.

Hoje era dia de ir pra Roma, mas com meu horário idiota eu não consigo. O Victor foi e fiquei morrendo de inveja. Fica pra próxima.

E há boatos de que vamos entrar em Red Level. Ou seja, fodeu! Não se pode sair, não se pode fazer nada. Sinal de alerta ‘bacteriológico’ máximo. Esse cruzeiro ta sendo o pior da minha vida. Grrrrrr

Há, ontem teve despedida da Rosa (México) e foi bacana. Conversei bastante com a “duchô”. Há² , isso foi em macedônio, of course.

Comentem toomola [please] pra eu não achar que to falando sozinho.

Gnogo dobro, prata! (muito bem, mano!)

Tiau!

.