22.2.10

.lá vôeu, lá-vô-eu

Data: 14/02/10
Hora Local (Miami - USA): 15h26
Hora do Brasil: 18h26

Agora tudo volta ao normal. Depois de 2 cruzeiros seguidos de 3 dias e depois de dry dock, finalmente volto a trabalhar pesado. Finalmente nada, porque pra mim tava bom como tava. Cruzeiro passado foi bom. Manu, Pri e Sté com o namorado Rafael, dos tempos da faculdade, vieram fazer cruzeiro aqui. Coisa boa demais ouvir sotaque curitibano, lembrar de histórias da faculdade e conversar sobre a realidade da nossa cidade, da nossa profissão (que é a mesma, lógico, já que nos formamos juntos). Falar literalmente a mesma língua é bom demais. Pena que acabou, ela se foram essa manhã. Mas curtimos bastante, saímos juntos, bebemos, comemos, dançamos, tudo como tinha que ser.

Pra fechar com chave de ouro, hoje fui no Camila’s, restaurante brasileiro. Coisa boa demais comer comidinha com gosto de casa, ver carnaval na Globo Internacional, Video Show, novela da tarde, falar português com o garçom, pudim-de-leite e café preto depois do almoço, com bala de menta ‘roubada’ no caixa. Só seria melhor se desse pra pagar com Real.

Se o tempo passa rápido ou lento eu não sei dizer. Se eu quero que ele passe rápido ou lento, tampouco. Só quero que coisas boas aconteçam, como a visita das meninas. Se alguém mais quiser vir, tá super convidado. Pagando a passagem pra Miami, eu juro que pago o cruzeiro pra quem vier me visitar. Juro!

Tiau. Bóra trabalhar porque carnaval não existe por aqui.